As dúvidas constantes dos jovens brasileiros.

16:37



    Em um país tão diversificado, como o Brasil, é totalmente aceitável existir dúvidas sobre qual profissão exercer. Muitos tendem a seguir o ramo profissional da família, outros escolhem pela estabilidade financeira e alguns por afinidade. No entanto, a dúvida ainda é muito grande sobre qual dos caminhos seguir e qual escolha fazer. Se arrepender da decisão tomada, talvez, seja uma das coisas mais temidas por todos os adolescentes atualmente.

    Os jovens, de hoje, almejam profissões nas quais possam obter uma vida estável, mas que ao mesmo tempo seja algo agradável e não um sacrifício desempenhar a função escolhida ou imposta. O problema é que algumas profissões optadas por eles, não lhe oferecem uma condição financeira sólida. É aí que paira a dúvida não saber se escolhe por afinidade ou que lhe traga reconhecimento e ascensão econômica.

     Durante os últimos anos, as profissões que têm sido alvo dos futuros profissionais são as das áreas de direito, logo após medicina e as engenharias. São escolhas que lhe colocam no ápice do desenvolvimento, concede uma boa lucratividade, mas para segui-las precisa-se de muito estudo e dedicação, pois ambas além de bastante concorridas não são nada simplórias.

     Outra saída que anda bastante procurada são os cursos técnicos, alguns oferecidos gratuitamente pelas escolas como o SENAI e os Institutos Federais de cada estado brasileiro. Buscam por esses cursos, pessoas com dúvidas em qual curso superior exercer e pelos que já querem logo ingressar no mercado trabalhista, já que antes mesmo de concluí-los, a maioria já estão todos empregados, adquirindo experiência e ganhando um salário razoável.

     É preciso que antes de tomar uma decisão definitiva de qual carreira seguir, deve-se estudar mais sobre a profissão de escolha, conversar com alguém que a exerça, para ter certeza da atividade que optou. Tendo consciência dos prós e dos contras dessa profissão, porque não se pode perder tempo com escolhas erradas temos que usá-lo ao nosso favor, adquirindo esperteza para aproveitar esse tempo e não perdê-lo.

Aluna: Julyanne Albuquerque
Professor: Diogo Didier

LEIA TAMBÉM

0 FELICIDADES

recent posts

Comentários

Instagram