Roda da vida

12:58


O Ser Feliz é Ser Livre tem a honra de apresentar para todo o Brasil uma artista que será o futuro expoente da música Nacional, Nanau Nascimento. Esta cantora, ainda desconhecida do grande público, está lançando um Cd solo, intitulado de Roda da Vida, trabalho este ritmado com o puro e autêntico samba brasileiro, incrementado, com pitorescas batidas da cultura pernambucana, terra natal da cantora. O título desse álbum faz jus ao seu propósito maior: criar um elo vívido entre todas as culturas por onde o samba introjetou suas mais sinuosas cadências.

Fruto de uma grande mistura musical, o samba é um dos mais reconhecidos ritmos da nossa cultura. Suas múltiplas facetas se manifestam de norte a sul do Brasil e não há por aqui alguém que não se identifique com os seus batuques, letras e melodias. Foi pensando nessa diversidade e na importância que o samba exerce em nossas vidas que Nanau Nascimento decidiu gravar esse Cd, unicamente dedicado a ele. Tamanha ousadia resultou no “Roda da Vida”, o seu primeiro trabalho solo. Nele, músicas que falam de amor, religiosidade, alegrias e tristezas retratam temas do cotidiano desse povo brasileiro que é intimamente ligado ao samba.

Nanau Nascimento é Pernambucana, nascida na cidade de Recife, e desde pequena tem a música como dádiva e, posteriormente como instrumento de trabalho. Ainda na adolescência, participou de várias bandas de gêneros musicais variados e pouco a pouco foi conquistando o carinho do público com a sua simpatia e o seu incontestável talento. Dona de uma voz doce e aveludada, ao mesmo tempo forte e profundamente melodiosa, Nanau é muito elogiada por onde passa por sua afinação e bom gosto musical. Cantores, compositores entre tantos outros artistas do estado de Pernambuco, que a conhecem, são unânimes em dizer que ela é uma grande promessa da nossa música popular brasileira, e o Roda da Vida é a prova máxima disso.

Cada canção que embala o repertório é digna dos tradicionais clássicos do gênero que se consagraram pelo país. É claro que, como legítima pernambucana, Nanau adicionou sutis, mas perceptíveis, influências musicais do seu estado. Nas melodias, a presença dos metais enriqueceu a cadência do samba, dando a ele uma ritmada desenvoltura. Em algumas canções, singularidades da cultura do seu estado se fazem presentes, engrandecendo ainda mais as letras dos sambas. Destaque especial para a última faixa do Cd, a qual o mais popular ritmo de Pernambuco, o frevo, se apresenta ao maior ritmo do Brasil, o samba.

Dessa união nasceu o “Roda da Vida”, uma vanguardista representação do samba, em toda a sua plenitude. Trabalho musical que mimetiza os grandes sambas que enaltecem a musicalidade do nosso país, enquanto, ao mesmo tempo, mescla o que há de mais autêntico da cultura de Pernambuco. Cd que não canta apenas o samba do nordeste, mas dialoga com todos os estados por onde o samba fincou suas raízes. Em outras palavras, uma coletânea das infinitas formas que o samba pode se apresentar. Tal mistura só confirma que o samba faz parte da identidade nacional e, por isso, merece ser cantado das variadas maneiras que o fizeram ser o ritmo mais difundido do Brasil.

Por isso, Nanau Nascimento convida você a navegar nas ondas do samba e se aventurar com ela nas suas profundas águas. Ela espera cantar, dançar, emocionar e encantar todos vocês com esse trabalho que foi idealizado com muito carinho e esmero, para proporcionar a todos o que há de mais genuíno na música brasileira. Louvação e romantismo são, portanto, temas dos quais as canções expressam sentimentos comuns da alma humana, sobretudo aqui no Brasil, onde o samba se configura como elemento simbólico da cultura do país. Pois ela, Nanau Nascimento, representa uma nação que é apaixonada por música e pelo samba. E como ela bem descreve em uma das suas faixas: Eu sou o samba, eu sou do samba. E mesmo sendo nordestina ela diz: “[...] o samba também é nosso, é Brasil. O samba de Pernambuco é Brasil [...]”.

Espero que gostem:






LEIA TAMBÉM

6 FELICIDADES

  1. Diogo:

    Sempre bom conhecer gente nova (ainda mais qdo é talentosa).
    Abraços querido.

    ResponderExcluir
  2. Que delícias de canções, Diogo! Ritmo agradável, voz melodiosa e suave, muito bom mesmo! Eu fico procurando talentos da nova geração musical e acho que encontrei mais um. Diga depois se já há CD a venda, pois procurei na net e não achei. Abraços. Paz e bem.

    ResponderExcluir
  3. não conhecia e amei ... vou aprofundar mais na obra da guria ...

    bjão

    ResponderExcluir
  4. Nossaaaaa, que saudade do gay mais lindo da blogsfera, o amigo que sinto um carinho enorme, o cara que ainda vou sentar-me junto a ele, na beira do mar e ali sem tempo, conversar e conversar NÉ!
    Quero muito que esteja bem.
    Saiba que sinto tanta saudade do carinho teu viu...beijos na alma menino lindoooooo que gosto tanto!

    ResponderExcluir
  5. Vou seguir a tua dica e curtir a nova cantora.
    Mas sei que se você recomenda deve ser otima. BeijoOOOO

    ResponderExcluir
  6. Diogo:

    Oieeee passando pra avisar de uma novidade que acredito vai agradar muitoooo.

    bazarmasculino.blogspot.com - um blog novinho em folha.

    Tô esperando sua visita e participação como seguidor, ok?

    Abraços querido.

    ResponderExcluir

recent posts

Comentários

Instagram