Mobilidade Urbana: O dilema da sociedade moderna.

17:21


Infraestrutura no tráfego urbano

         O crescimento populacional nas cidades do século XXI tem vinculado o aumento de automóveis e transportes nas estradas. O fácil acesso de possuir um veículo próprio hoje tem contribuído ainda mais nos congestionamentos do cotidiano e na poluição. A carência de uma solução política para estas problemáticas tem motivado uma grande revolta e, inquietação da população brasileira no seu dia a dia.

      Cidadãos por várias vezes resolvem optar por um carro, por conta da superlotação nas conduções públicas. O complexo de falta de qualidade tem desencadeado problemas graves de desconforto e assédios. Isso, provocado pela pouca frota de ônibus e metrôs nos horários de grande movimento nas metrópoles principalmente.

         Além dos problemas adquiridos pela população nos congestionamentos e, nas horas perdidas, há também o desgaste do meio ambiente. As vias e corredores, que ficam engarrafadas, apontam o quanto os transportes motorizados têm colaborado para o poluimento do ar. Prejudicando o planeta e a saúde de todos os indivíduos, pela emissão do monóxido de carbono, um dos vários gases perigosos liberado.

       Motoristas que utilizam seu próprio veículo, além de ter gastos com combustível, tem que conviver com os acidentes. De acordo com a associação Nacional de Transportes Públicos (ANTP), o extenso número de carros e motos tem aumentado em 67% o número de acidentes nas estradas. Utilizar as bicicletas frequentemente ajudaria a baixar este número e a diminuir os gastos ao se locomover diariamente.

          Logo, é necessário que os problemas de superlotação sejam resolvidos com mais conduções, para que os que utilizam tenham conforto. Que seja feita melhorias também para os que usam outros meios de locomoção; reduzindo os engarrafamentos e a diminuição dos gases poluentes. Assim que o governo investisse nas melhorias as pessoas que utilizam diariamente desses meios ficariam mais satisfeitas e, optariam certamente pelo transporte público que possuísse uma boa estrutura.


 Aluna: Stefany Pontes
Professor: Diogo Didier

LEIA TAMBÉM

0 FELICIDADES

recent posts

Comentários

Instagram