Mulheres do Brasil: ascensão, conquistas e desafios.

15:45


    No Brasil, ainda há uma forte influência do patriarcalismo em sua cultura, onde o homem é considerado a figura mais eminente de sua sociedade. Porém, a luta da mulher brasileira por espaço cresce consideravelmente ao longo dos anos, fazendo com que algumas diferenças diminuam. No entanto, ainda assim, se tem muito a ser feito, desde quebrar ideias como a do corpo de violão até conquistar lugares tidos como apenas dos homens.

       Dentro da sociedade, a mulher é vítima de diversos tabus, onde, a maioria deles, está relacionado ao sexo. Não se educa uma mulher para conhecer seu próprio corpo, muito menos para ter autonomia sobre ele. Tudo gira em torno de costumes e paradigmas atrelados ao homem e seu prazer. Porém, já dizia Leila Diniz, considerada uma mulher à frente do seu tempo, "a mulher brasileira deveria ir menos ao psicanalista e mais ao ginecologista". Tratando-se então de uma mulher que cuida de si para si.

        Em contrapartida, outros tabus foram quebrados no decorrer do tempo, como por exemplo, o uso da minissaia, do biquíni e dos métodos contraceptivos. Ainda se tratando de conquistas, vale ressaltar a vitória política e democrática da atual presidente, Dilma Rousseff, que exerce seu segundo mandato consecutivo. Além disso, também é possível destacar a Lei Maria da Penha, que protege e julga casos de violência contra mulher no país.

       Sendo assim, é notória a longa jornada que ainda existe para a mulher conseguir a igualdade entre os sexos. Porém, até lá, é preciso pregar sobre a tal ideologia igualitária, tratar sobre a autonomia feminina desde a infância e fazer com que haja uma reeducação em todos os âmbitos sociais sobre a mulher.

Aluna: Beatriz Borges
Professor: Diogo Didier

LEIA TAMBÉM

0 FELICIDADES

recent posts

Comentários

Instagram