Numa sociedade que cultua a magreza, como explicar a crescente obesidade?

14:15



        Um dos problemas mais enfrentados, relacionando a saúde pública brasileira, é a obesidade. Mas, mesmo com um grande índice de pessoas nessa situação, as medidas adotadas pela população e pelo Governo Federal aparentam não ser suficientes.

          A educação alimentar na infância é uma prática muito importante para a construção de responsabilidade  no hábito de nutrição adequada, e além disso, para uma boa saúde. Todavia, algumas famílias acham, que pelo fato de ser criança, podem comer doces, por exemplo, sem ter um limite, podendo causar futuramente, a obesidade.

         Segundo o IBGE, o índice de obesidade do país  aumenta cerca de 5% a cada ano, com isso, o número de problemas de saúde como infartos, diabetes e tromboses  tendem a ficar mais frequente. O problema do baixo IDH brasileiro, em relação a saúde e educação, está diretamente ligado ao alto número de obesos. Isso é visto quando comparamos o Brasil com a China, quem este tem o IDH muito alto e apresenta um baixo número de pessoas obesas.

         Por outro lado, o Governo de alguns Estados brasileiros tenta, através de projetos públicos, diminuir o máximo número de pessoas gordas. Exemplo disso são bicicletas e academias gratuitas a disposição da população para a prática de exercícios, independente da renda mensal.


          Portanto, para que diminua o número de obesidade no Brasil é preciso que as famílias ensinem desde criança a educação alimentar para criar responsabilidade nutricional. Além disso, o Governo Federal precisa investir mais em campanhas e projetos que estimulem a prática de exercícios físicos da população.

Aluno: Pedro André
Professor: Diogo Didier

LEIA TAMBÉM

1 FELICIDADES

  1. A redação ta muito bem feita, mas com dados errados, de onde o autor tirou que o IDH da CHINA é elevado ? É mais do que do senso comum saber que isso não é verdade, o IDH chines é até mesmo menor que o nosso. Fora isso, ta muito bom

    ResponderExcluir

recent posts

Comentários

Instagram