Jair Bolsonaro Discursando sobre Homofobia e Racismo: A Inversão dos Direitos Humanos

20:40

Na busca por um país mais justo e igualitário, a sociedade tem cada vez mais se preocupado com as questões referentes as minorias, estes, que por sua vez, sofrem historicamente com a perseguição ideológica de alguns personagens ditos “conservadores”. Entende-se por conservador, nesse contexto, aquele indivíduo que sustenta opiniões inabaláveis sobre temas de ordem social, sobretudo aqueles mais polêmicos, os quais, como se sabe no Brasil, poderiam ser destacados a liberalização da maconha, a homofobia e o racismo. Estes grupos fazem parte da tal minoria estigmatizada, alvo constante dos moralistas que muitas vezes, extrapolando os juízos de valor, impedem que o restante da sociedade enxergue certos temas de forma menos pejorativa. Um dos muitos brasileiros que se encaixam nesse perfil é o deputado federal do PP- RJ Jair Bolsonaro. Ele que, com opiniões controversas, tem mostrado que o preconceito racial, a homofobia, o machismo, entre tantos outros males da humanidade, não estão adormecidos, mas sim mascarados.

O Brasil tem acompanhado com perplexidade as declarações feitas por Bolsonaro a respeito das camadas inferiorizadas pela sociedade. Membro da Comissão dos Direitos Humanos, ele tem mostrado que não está psico-humanisticamente preparado para tal cargo. Isto porque, numa das suas polêmicas entrevistas ele aconselhou que para curar uma possível homossexualidade dos filhos, os país poderiam dar algumas "palmadinhas corretivas". Numa época onde o discurso contra a violência infantil está sendo amplamente disseminado, é um tanto quanto criminoso alguém propor um modelo educacional desse tipo. Até porque, sabe-se que a homossexualidade não pode ser “curada” a base de tortura, como era feito pelos trogloditas em períodos remotos da história mundial. A sexualidade humana não é escolhida ou optada, ela simplesmente se impõe ao individuo que, devido a fatores culturais, muitas vezes acaba tendo que mascará-la para fugir da discriminação e do preconceito.

Ainda na esfera da discriminação, o deputado recentemente cometeu mais um dos seus tórridos comentários. De forma ofensiva, ele feriu a integridade do povo brasileiro quando, numa entrevista ao programa CQC, exibido pela emissora Band, fala de forma preconceituosa sobre os negros desse país. Ora, como alguém que nasce numa terra tão rica em diversidade humanística como o Brasil, sobretudo alguém dotado de conhecimento, pode expor para a nação um posicionamento tão pedante? Ainda sobre os negros, o deputado afirma ser contra qualquer forma de cotas para esse grupo, com um argumento de que todos são iguais perante a sociedade. No entanto, ele esquece-se de que as cotas não foram criadas para serem uma esmola, mas sim, como uma tentativa singular de compensar os maus tratos e os anos de atraso pelo qual a comunidade negra desse país passou.

Nesse mesmo momento, ele ataca também os homossexuais dizendo que a sociedade está tentando liberar a promiscuidade quando apoia essa classe, já que para ele os gays são sinônimo de perversão e doenças. Nesse sentido, parece que a homossexualidade é o principal alvo desse político, pois a todo instante ele faz algum tipo de declaração ofensiva, pejorativa e discriminatória contra os gays. Na mente dele, ao que parece, o “homossexualismo” (sic), não é uma prática humana e deveria ser punida de forma severa. Dotado de conceitos morais arcaicos  Bolsonaro justifica a sua aversão aos gays ao fato deles serem, na concepção dele, uma classe amoral/imoral, ou seja, acima dos padrões “civilizados" da sociedade. Além disso, para o deputado a palavra homossexualidade rima com promiscuidade e vulgaridade. Essa forma de pensar poderia ser justificada se estivéssemos na Idade da Pedra lascada, em outras palavras, num período do qual o ser humano agia única e exclusivamente através dos instintos. No entanto, a sociedade vive à época da racionalização, do entendimento do outro, e, principalmente da reflexão. Assim, o que o deputado está fazendo contra a comunidade LGBT é uma clara tentativa de propagar a homofobia, num país onde frequentemente os gays são discriminados, perseguidos e mortos. 

Depois da repercussão de tais opiniões, Bolsonaro tentou desfazer em parte o que disse, mas já era tarde. O povo presenciou de forma clara que a intolerância de alguns políticos é um dos principais empecilhos para a aprovação de alguns projetos de lei, dos muitos que tramitam no senado. Esse mesmo povo, que agora se assusta com as declarações desse deputado, deveria ter tido mais critério na hora que escolheu esse homem para representá-los. É por escolhas dessa dimensão que o Brasil não consegui se desvencilhar do esteriótipo corrupto e despreparado do qual paira na politica nacional. É lamentável saber que esse mesmo homem ainda está no poder, exercendo influência numa sociedade vítima da própria irreflexão.


LEIA TAMBÉM

12 FELICIDADES

  1. Oi querido esse deputado deveria ser processado por racismo.
    Revoltou-me quando a cantora cantora Preta Gil, no programa "CQC", da TV Bandeirantes, perguntou de como ele reagiria caso o filho namorasse uma mulher negra.

    A pergunta, previamente gravada, foi apresentada ao deputado na noite desta segunda-feira (28), no quadro do programa intitulado "O povo quer saber": "Se seu filho se apaixonasse por uma negra, o que você faria?"

    Bolsonaro respondeu: “Preta, não vou discutir promiscuidade com quer que seja. Eu não corro esse risco, e meus filhos foram muito bem educados e não viveram em um ambiente como, lamentavelmente, é o teu.”

    Então quer dizer que um branco namorar com uma negra é prosmiscuio.
    Que absurdo! Quem ele pensa que ele é?Isso é uma grande ofensa de uma pessoa , que certamente quer aprecer de uma forma polemica. Só que da forma que ele quer se aparecer está sendo muito revoltante. Sabe querido dá uma raiva de ver esses politicos que pensam que tem um cargo que pensam que pode ofender gays, negros crianças ou qualquer pessoa da sociedade.

    PRECONCEITUOSO SIM, ele é.
    Respeito é bom e eu gosto.

    Ai querido, vou parar por aqui, senão vai ser um jornal inteiro aqui.
    Por esse deputado só deixo minha indignação e minha piedade, pois pessoas assim é digno de dó
    Por respeito a vc, e a seus leitores , não postarei aqui, o que esse deputado é digno.
    Beijos, meu lindo, ótimo final de semana a vc.

    ResponderExcluir
  2. Os eleitores que o escolheram ( e olhe que ele já é deputado há muitos mandatos)será que o escolheram sabendo que ele pensa assim? Isso é que é preocupante. No mais ele não merece comentários meus. Abraços, Diogo. paz e bem.

    ResponderExcluir
  3. Cada um tem uma opinião, eu tenho a minha, para mim ele errou feio, mas duvido que ele quisesse demonstrar preconceito racial, pelo que eu vi e entendi ele se referiu a pessoa da Preta Gil e somente a ela, tanto é que ele diz no final da fala "como é a sua" mas como tudo na TV é distorcido e é levado pra outro lado, sendo ela filha de alguém famoso a coisa toma outra proporção.

    ResponderExcluir
  4. Anônimo!

    Não se trata apenas desse último evento envolvento Preta Gil, mas sim de todo um histórico de discursos extremistas contra os gays, negros e outras minorias.

    Esse deputado não tem nunhum pudor em propagar a violência, seja esta direta ou indireta, contra as classes consideradas por ele como inferiorizadas.

    Fiz esse texto, não só com a intenção de apoiar a posição tomada pela Preta Gil, mas sobretudo, para fazer com que a sociedade reflita sobre os perigos que um discurso dessa magnitude pode tomar, numa terra onde a intolerância para certos temas ainda é gritante.

    Mesmo assim, entendo a sua opinião e agradeço por ter participado.

    Bjoxxxxxxxxxxxxxxx no coração!

    ResponderExcluir
  5. e o pior tem um video que ele empurrou a minha conterranea maria do rosário do PT dizendo pode filmar msm,além de ser homofóbico,racista e ainda é covarde batendo nas mulheres
    os filhos dele queriam que o brasil fosse igual em 1964 ou seja na época da ditadura militar,segunda dia 4/4 ñ teve edição no povo que saber ele falou com as palavras dele msm,ele é polêmico tudo isso dá crime,e pode ser preso.por isso q o brasil ñ anda,fica eles com esse pensamento,tomara q seja linchado por essas pessoas q acabara de falar mal....

    ResponderExcluir
  6. Primeiro, nosso pais deixou de ser humanístico a muito tempo, onde se mata para ver cair.

    Segundo, assisti ao vivo a entrevista do Bolsonaro e depois revi no youtube mais duas vzs. Sinceramente, acredito q ele interpretou errado a pergunta e a sua interlocutora (da qual a classifico tbm como oportunista) assim como interpretaram errado sua resposta...e alguma meia duzia de irresponsáveis que querem transformar num ato preconceituoso.

    Ele é polemico e por vzs fala besteira, SIM, num é o tipo do politico que teria meu voto, mas é nítido que ele quis atacar o meio em que vive a preta gil e não sua cor!

    ResponderExcluir
  7. Bolsonaro para Presidente JÁ!!!

    ResponderExcluir
  8. Ninguém é obrigado a gostar de homossexuais. Tenho direito de expressão e posso ser contra essa tendência que os gays querem impor a sociedade.
    Meus filhos estão sendo educados sabendo que homossexualismo (dentre outras atitudes) é errado e não são obrigados a aceitar.
    Queriam um pretexto para crucificar uma das poucas vozes que tem coragem de ir contra essa afronta que nos empurram goela abaixo.

    ResponderExcluir
  9. A resposta não tem nada a ver com a pergunta!!! Vamos deixar de ser idiotas, ta na cara q mandaram uma pergunta pra ele e colocaram outra no ar. O povinho ignorante, só pq ele é contra o homosexualismo, ja estão arrumando uma desculpa pra piorar a imagem dele. Pensem bem q programa de televisão hj em dia apresenta uma opnião contra o homosexualismo, além dos programas ditos "cristãos"? Nenhum!!!

    ResponderExcluir
  10. Jair Bolsonaro para Presidente!

    ResponderExcluir
  11. Sou fã dele!!! Fala o que pensa!

    ResponderExcluir
  12. São por causa de opiniões iguais as desses "anônimos" que o Brasil está como está!

    ResponderExcluir

recent posts

Comentários

Instagram