2010 O Ano dos Gays, O Ano da Homofobia

15:21



Está chegando o fim de ano e com ele as tradicionais festas do período. Diante de tantas confraternizações muitas vezes nos esquecemos de fazer uma reflexão de tudo o que aconteceu no cenário nacional. Não falo de uma retrospectiva abrangente, como aquela do programa pelo qual a Globo exibi os fatos marcantes do ano, mas sim uma retrospectiva delimitada, focando um entre os tantos problemas sociais que assolam o nosso país. Para ser mais claro, ressalto os dilemas, conquistas, revelações, agressões e toda uma gana de acontecimentos que envolveram a massa LGBTT (Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e transex) durante este ano. Penso que é primordial fazer esse balanço, não apenas para exaltar a classe em questão, mas também para dar visibilidade aos problemas vividos por eles que, frequentemente são mascarados e/ou distorcidos pela sociedade.

Para inicio de conversa é necessário trazer à tona a visão retrógrada que o Brasil alimenta quando o assunto é homossexualidade. Mesmo sendo um país de evidente crescimento econômico e ricamente culturalizado, ele ainda não está capacitado a tratar de temas que envolvem a sexualidade alheia, pois ainda existe muita resistência em discutir racionalmente esse assunto. Tanto desconhecimento resultou nos atuais casos de violência na Av. Paulista, noticiados nacionalmente. Além disso, o Brasil é uma das poucas nações em desenvolvimento que não garantiram que direitos como o casamento e a adoção entre casais homossexuais saíssem do papel. Enquanto a nação peca nesse aspecto, países como Argentina, dentre outros da América Latina que são inferiores economicamente ao Brasil, deram passos valiosissmos no que se refere aos direitos humanos, criando políticas igualitárias para os gays que viviam à margem da sociedade.

Não obstante, não se pode deixar de ressaltar a pitada cristã nos valores que permeiam a nossa cultura. Sempre falo desse pilar, pois acredito que ele rege as questões convencionais que ditam o que é certo e errado, cravando na cruz aqueles que não se enquadram nos padrões da Igreja. Essa manobra religiosa, na minha concepção, cria máquinas homofóbicas prontas para matar. Num país, onde boa parte da população está acostumada a propagar o discurso do outro sem racionalizá-lo, falar que a homossexualidade é algo medonho é a mesma atitude tacanha que levou milhões de pessoas para a morte na época da inquisição. Para exemplificar isso, há pouco tempo, o reitor da Universidade Mackenzi se pronunciou contra a aprovação do PLC122/2006, baseado em conceitos religiosos limitados e totalmente desconectados da realidade sócio-política-humanistica na qual a legislação brasileira deveria estar respaldada. Esse caso, nada isolado, só confirma a visão preconceituosa e distorcida de uma sociedade que quando fala em garantir direitos aos LGBTTS, prefere se apoiar em cânones obsoletos numa retomada hipócrita de uma moral que nunca existiu.

Entre tantos pontos negativos, não se pode deixar de mencionar os acontecimentos positivos que mexeram com as mentes dos LGBTTs. Um dos mais marcantes foi sem dúvidas a revelação de alguns famosos que viviam escondendo a sua sexualidade. Rick Martin, um dos maiores nomes da música pop mundial, revelou que era homossexual, mas por medo do preconceito que poderia sofrer, passou anos e anos sustentando aquela faixada de galã que o mundo todo conhecia. Não que tenha sido alguma surpresa para a comunidade gay a revelação dele, mas para muitas pessoas heteronormativas foi um choque imenso. O lado positivo disso foi mostrar para a sociedade que a homossexualidade está em todos os lugares e que qualquer pessoa pode ser gay, independente de classe social, raça ou etnia; mesmo sendo gay ela pode ter uma vida social, se casar, ter filhos e constituir família  Outros famosos, como os cantores Tiziano Ferro e o Brasileiro Netinho também saíram do armário, contribuindo para que as pessoas entendessem que a homossexualidade não pode ser vivida as escondidas, ela tem que ser mostrada, entendida e respeitada por todos.

O Brasil está tentando minimizar os problemas enfrentados pelos gays com ações preliminares que tentam garantir que a comunidade LGBTT, que paga imposto, trabalha, estuda e que tem família  tenham direitos iguais a quaisquer outros cidadãos que compõe essa nação. Entretanto, para que essa igualdade seja realmente efetivada, será preciso muitos anos de discussão, pois, como falado a pouco, nossa população não está acostumada a pensar sozinha, consequentemente, acatando opiniões taxativas e mal fundamentadas de pessoas que preferem segregar a incluir os indivíduos considerados “diferentes”.

O ano está acabando e com ele um arsenal de acontecimentos negativos mais do que positivos, fizeram parte da rotina dos homossexuais do Brasil. Agressões físicas  discriminação, preconceito, intolerância, falta de respeito, desumanidade, falta de politicas públicas e todo um mar de homofobia constituíram o painel da realidade dos gays no país. Isso não é demagogia ou um discurso piegas clamando por justiça, é apenas um alerta de um modelo de sociedade que estamos perpetuando para as próximas gerações. Uma sociedade inescrupulosa, hipócrita e irracional que prefere cruxificar os gays ao invés de garantir que seus direitos sejam respeitados.

Vamos fazer com que os próximos anos sejam diferentes. E que venha 2011!

LEIA TAMBÉM

64 FELICIDADES

  1. Engraçado, homossexuais sempre passaram por preconceitos e injustiças e eu nem via, até que um dos meus melhores amigos assumiu sua sexualidade... Só então eu passei a enchergar e me importar com tudo isso que vc discutiu aqui tão brilhantemente, sempre que penso nisso me sinto mesquinha e pouco cristã, como tudo isso ocorria diante de mim e eu não via??? E eu achava normal e nem parava para pensar???

    Mas, isso mudou.. 2010 foi realmente um grande ano, tabus foram questionados, leis foram discutidas, a sociedade está sendo posta para pensar, as pessoas querem viver sua sexualidade com liberdade e ter família, filhos e tudo O QUE TEM DIREITO! Sabe Diogo o que me irrita nisso tudo é que os homossexuais querem APENAS que SEUS DIREITOS sejam assegurados, direito a ser livre, isso é tão basico, é tão obvio!!!

    Enfim, que venha 2011 e que esse ano seja melhor para todos nós!!!

    ResponderExcluir
  2. Estou torcendo por isso Pandora!

    Obrigado pelas palavras!

    ResponderExcluir
  3. Esse é o melhor texto do seu blog. Li tres vezes e fico felissíssimo em saber que as palavras são tão reais quanto o Diogo que conheço. Belíssimo texto, "do começo ao fim". PA-RA-BÉNS !!!!!!!
    bjs

    ResponderExcluir
  4. OBRIGADO VICTOR!

    Você não imagina o quanto eu fico feliz com as suas palavras...

    Sua presença aqui me deixa felicissimo!

    bjoxxxxxxxxxxxxx

    ResponderExcluir
  5. E esse gay brincando na cruz é para atrair mais homofobia?

    ResponderExcluir
  6. De forma alguma "anônimo". É apenas uma alegoria para simbolizar o sofrimento dos LGBTs no país.

    Não estou desrespeitando qualquer credo ou crença, se é isso que você quer saber. A imagem do post é meramente ilustrativa e condiz com o conteúdo do meu texto.

    Respeito TODAS as religiões e, como falado a pouco, a foto é fruto de uma simbologia.

    ResponderExcluir
  7. Existe distinção entre preconceito e homofobia ?
    o preconceito pode ser injusto e irracional mas é algo natural do ser humano . Querer combater o preconceito é algo mais difícil por que por vezes ele esta combinado com as opiniões pessoais de cada individuo .
    Agora a homofobia é foda pois são atos de violencia de forma gratuita e se tem algo que a sociedade não percebe é que leis contra a violência deveriam ser generalizada e severas e não seguimentadas como está sendo feita até agora .Uma lei contra a violência doméstica mais uma lei contra a violência nos estádios lei contra violência contra idosos vocês querem leis contra a violência contra homossexuais , tudo isso por que a lei contra a violência não funciona .
    A maneira certa de tratar este assunto é que não seja o apelo de uma minoria .

    ResponderExcluir
  8. Concordo plenamente com as suas palavras. As nossas leis são inoperantes e por isso há essa fragmentação, no intuito de tentar garantir algo que já deveria ser garantido pelas leis de segurança pública.

    Infelizmente, nesse aspecto, só quem sofre são as minorias. E não falo apenas dos gays. Crianças, mulheres, negros, deficientes fisicos, todos eles tiveram que lutar muito para conseguirem preservar os seus valores e, consequentemente a integridade física.

    ResponderExcluir
  9. TEXTO BRILHANTE!

    Sou hetero muito bem resolvido e acho um absurdo o descaso que ocorre contra os homossexuais. Os acontecimentos da Av. Paulista é o reflexo de uma sociedade que não está habituada a respetar o próximo.

    É sempre assim quando o assunto são as minorias. Os negros ainda são discriminados, as mulheres lutam pelos direitos de igualdade, os nordestinos continuam sendo marginalizados...Até quando manteremos essa visão limitada desses clãs?

    Tenho amigos gays que trabalham, tem familia e são ótimas pessoas nas relações amigacionais. Por isso, antes de qualquer coisa respeito essa classe, pois são seres humanos e merecem o nosso respeito, admiração e tolerância.

    Parabéns pelo belo texto!

    ResponderExcluir
  10. Essa imagem é um erro, ela vai trazer mais ódio.
    Não use este tipo de comparação !
    Sejá feliz!

    ResponderExcluir
  11. Na boa, cara: homofobia é preconceito e acabou a história. Não entre na onda de tentar diferenciar "preconceito" de "homofobia" que isso gera mais preconceito ainda!

    Criar diferenças gera grana, votos e aprovação de determinados segmentos da sociedade. Mas é também o que cria, alimenta e torna violento o preconceito! Heterossexuais e homossexuais; brancos e negros e por aí vai...

    Por que "Parada do Orgulho Gay" e não "Parada do Orgulho Humano"? Por que Homofobia e não "Preconceito"? Por que "Sistema de Cotas" e não "Luta pelos direitos à educação gratuita e de qualidade para todos os brasileiros"? Como já disse, é porque gera grana, votos e aprovação de determinados segmentos da sociedade.

    O lance é demonstrar as igualdades, e não criar diferenças. Dá uma olhada nesse vídeo do Morgan Freeman falando sobre racismo. Ele explica muito bem o que quero dizer (em inglês):

    http://www.youtube.com/watch?v=I3cGfrExozQ

    Abraço!
    Ricardo

    ResponderExcluir
  12. Meu Deus! Será que não fui claro quando falei acima que a imagem deste post é MERAMENTE ILUSTRATIVA. Gente, não estou tentando fazer uma comparação entre Cristo e os gays de forma alguma. Coloquei essa imagem para chamar a atenção acerca do mártire passado pela comunidade LGBTT no Brasil. Em nenhum momento essa imagem, na minha concepção e de acordo com o meu texto, tem uma conotação religiosa ou alguma forma de blasfemia, tá ok?!

    Outro ponto que quero fazer uma ressalva diz respeito a parte conteudistica do meu texto. Em nenhum momento, na minha visão, eu tento fazer uma distinção entre homofobia e preconceito. Para mim ambos estão interligados e um acaba gerando o outro. Acho que o colega acima teve uma acepção do meu texto por um viés que até eu mesmo não teria pensado. Se em algum momento eu fiz essa distinção peço humildimente mil desculpas por isso, pois essa não era a intenção. A ideia inicial do meu texto era fazer um balanço do que foi o ano de 2010 para os gays do Brasil e expor alguns posicionamentos inquietantes sobre essa questão.

    Acredito que tanta polêmica nos comentários acima só ratificam o meu posicionamento. Não é a imagem do post, nem as minhas palavras, mas sim, o fato de tratar abertamente de um tema que ainda é encarado como tabu por uma sociedade que prefere ser preconceituosa com o que é "diferente" a ter que entender a essência dessa diferença.

    Mesmo assim estou feliz. Feliz em ver que pessoas de vários lugares do país compartilham, discordam e acrescentam posicionamentos a essa temática tão pouco discutida pelos meios midiáticos.

    OBRIGADO A TODOS!

    bjoxxxxxxxxxxxxxxx

    ResponderExcluir
  13. Eu quis diferenciar preconceito de homofobia por eu ser preconceituoso moderado . Eu jamais terei amigos homossexuais mas se ver um não vou sair dando pancada ou xingando se for vizinho comprimentarei com bom dia .
    A minha opinião fica guardada e no final das contas é de pouca importância , e como é costume meu tratar as pessoas com respeito minhas opiniões estão longe de gerar problemas para outras pessoas .
    E é nisso que acredito , ser preconceituoso é algo que pode ser confundido com opiniões mas cada um tem o direito de achar o quiser e ninguém tem o direito de apelar pra violencia verbal ou fisica .

    ResponderExcluir
  14. Excelente retrospectiva, afinal muitos fatos não podem ser esquecidos, para assim exigir-se algo, cobrar igualdade.
    Infelizmente esse nao trouxe muitas coisas ruins, mtos fatos vergonhosos...mas o desejo de todos é q o ano de 2011 seja um ano de muitas conquistas e menos preconceito....
    Forte Abraço

    ResponderExcluir
  15. Olá, amigo!
    Tá desculpado...E, pelo que li aí acima , não precisa publicar esse comentário, e, se desejar não publico os seus até segunda ordem.
    Mas, me diga exatamente o que deseja e eu o atenderei com todo amor. estou on-line e espero-lhe.

    ResponderExcluir
  16. Diogo, um texto brilhante. O debate definitivamente está lançado no Brasil. Vai ter pedradas por todos os lados, mais do que recepção calorosa contra a homofobia e toda espécie de discriminação. Mas a esperança é que o debate ocorra e suscite ações efetivas de quem de direito. O estado precisa apenas, no meu modo de ver, dar as diretrizes para que a sociedade como um todo faça a discussão e escolha os caminhos mais humanos e menos rançosos para se trilhar. Acho que não se consegue mudar uma cultura de um dia para a noite, nem com um decreto, nem com repressão apenas. É preciso uma combinação de fatores. A educação em casa é um bom começo. O combate ao buyilling em todos os campos é outro ponto, a criminalização da homofocia também e assim por diante, até que consigamos chegar a uma harmonia. Feliz Natal. paz e bem.

    ResponderExcluir
  17. Realmente 2010 foi lamentavel para a comunidade GLBT, mas acredito que 2011 só será melhor se sairmos para as ruas e realmente lutar por nossos direitos, e não transformar todas as manifestações em festas e pegações, o que acaba tornando os movimentos estereotipados.
    e também não ter medo ou ficar intimidado com toda essa violência, não podemos nos esconder!!!

    ResponderExcluir
  18. As agressões aos homossexuais estariam aumentando? Talvez, por causa da nossa crescente visibilidade. Mas acho que também estnao sendo mais reportadas: os gays estnao perdendo o medo de se expor, de ir à polícia, de ir à TV. Isto vai incomodar os homofóbicos cada vez mais, mas a longo prazo a vitória será nossa. Não dá para ganhar essa guerra sem sair do armário. Visibilidade já!

    ResponderExcluir
  19. Oi, querido, estou de volta e acabei de reler o seu texto. Comentarei em duas etapas. Uma, salientando dois pontos relevantes sobre o que o texto está dizendo ( saber interpretar o que um texto diz faz diferença e o Brasil vai mal nesse quesito!).

    "Penso que é primordial fazer esse balanço, não apenas para exaltar a classe em questão, mas também para dar visibilidade aos problemas vividos por eles que, frequentemente são mascarados e/ou distorcidos pela sociedade."

    "Não apenas para exaltar...";
    "... dar visibilidade aos problemas...";
    "...frequentemente são massacrados e/ou distorcidos pela sociedade."

    Aqui entende-se que o texto é para exaltar a classe, dar visibilidade aos problemas, que são: a frequência dos massacres e/ou distorção dos seus seus valores.

    "Não obstante, não se pode deixar de ressaltar a pitada cristã nos valores que permeiam a nossa cultura. Sempre falo desse pilar, pois acredito que ele rege as questões convencionais que ditam o que é certo e errado, cravando na cruz aqueles que não se enquadram nos padrões da Igreja. Essa manobra religiosa, na minha concepção, cria máquinas homofóbicas prontas para matar."


    "Uma sociedade inescrupulosa, hipócrita e irracional que prefere cruxificar os gays ao invés de garantir que seus direitos sejam respeitados."

    Nestes dois pontos estão explícito a razão do uso da imagem.

    As ações da sociedade estão subordinadas aos valores desta mesma sociedade, no caso a brasileira, com sua pitada cristã.

    .............................


    A intenção não é mexer com religião dos outros, mas o texto diz que sim, amigo, e a imagem o confirma. Porque você não usou a imagem da Sekineh , o efeito seria mais positivo. Jesus concordava com seu Sacro-Ofício e sabia exatamente o que estava fazendo. Já a Sekineh e os homos- não.

    A constituição diz que o Estado é laico, mas já vimos que não é bem isso na pratica. Só que o povo não é.

    Bem aqui está uma parte, e fui impessoal, na medida do possível.

    Até já.

    ResponderExcluir
  20. Olá Didier

    Parabéns pelo seu texto. Você parece-me ser muito jovem, mas é já um aguerrido militante pelos direitos humanos. É assim, não é? Então, se é assim, nunca mais volte a dizer que a sua população brasileira «não está acostumada a pensar sozinha». Por uma razão simples, meu querido, em nenhum país do mundo as populações pensam sozinhas. Necessitam sempre de pessoas como você que expliquem as coisas de forma a que entendam bem. Informar, educando. São precisos jovens como você para deitarem a baixo velhos costumes. Mas a 'coisa' começa por dentro. Sempre. Pelas nossas próprias convicções e entendimento da vida. Não os ajude a continuarem retrógrados.

    Não vale a pena falar em 'homofobia' enquanto os próprios homossexuais não se respeitarem a si próprios. É o que vejo acontecer com frequência na blogosfera.

    Enviei-lhe um email com o texto completo, pois o blogue não aceitou por ser demasiado grande.

    Abraço

    António

    ResponderExcluir
  21. Querido, concordam com todos que disseram que a imagem gera muito mais homofobia. Primeiro, não aguento gay reclamando da igreja, seja ela católica, evangélica ou qualquer outra, o papel da igreja é ser tradicional e seguir seus dogmas. Não dá para mudar a tradição a cada geração. Assim, o reitor da Mackenzie está correto, ele representa uma instituição religiosa antes de tudo (a Mackenzie é uma universidade prebisteriana). Segundo, não precisamos de mais lei (que não será cumprida de qualquer forma) para termos direitos. Bastaria apenas a Constituião e o Código Penal fossem cumpridos para que todos os direitos sejam assegurados. A tal Pn(não sei das quantas) só é mais um calhamasso de papel. Sem funcionalidade nenhuma. Basta de acreditar que se for aprovada sua vida como gay vai melhorar! Há precedentes jurídicos em quase todas as instâncias da justiça brasileira sendo favoráveis a gays (chega de ficar choramingando).
    Terceiro, ninguém saindo do armário, seja artista ou não, vai mudar o cérebro de alguém. Sou gay, e tem um monte de gay que eu mesmo gostaria de dar porrada. Violência, para horror da esquerdália, não se extingue com educação. Se fosse assim, Japão, Coreia, Finlândia entre outros paises "educados" não teriam nem mesmo sistema prisional! Educação só é propaganda!
    2011,2012...Serão da mesma maneira! Pois, tudo vira festa!

    ResponderExcluir
  22. Salve! Amigo

    Obrigado pelo convite no Confessium (a minha presença aqui é prova que aceitei). Espero que tenhas pelo menos escutado a música do post em que deixaste convite e tenhas gostado. Se não escutaste, te convido então a voltares lá e dares uma escutada, pois acredito que sairás satisfeito.

    Ainda não li o texto (lerei já de seguida e comentarei então) mas gostaria de te dar Parabéns! pela escolha da imagem (eu também a teria escolhido para ilustrar o tema que apresentas). Se alguém te recriminar pela escolha tal só se deverá a ignorância e preconceito mesmo. O Cristo não foi o primeiro nem o último crucificado na infeliz História da humanidade. A crucificação era uma forma comum de tortura e execução em tempos idos.
    A respeito da imagem, digo-te que já a "roubei" para futuramente a utilizar. rsrsrs

    Agora vou então ler o teu texto.

    ResponderExcluir
  23. Vamos, lá...

    Antes de tudo recomendo a leitura do livro a seguir:

    Livro Guardião Das Sete Encruzilhadas, Hemisarê- A Ira Divina. Rubens Saraceni, Editora Madras.

    Este livro descreve as razões do homossexualismo. É assim que entendo, e não dá para explicar aqui pois é extenso.

    Sou médium ativa dentro da Umbanda Sagrada ( extremamente religiosa!), e em meus trabalhos aprendi com meus Guias a não julgar nada nem ninguém, pois tudo tem um motivo, seja em situações positivas ou negativas.

    Eu entendi o que você quis dizer, até porque a distância não é obstáculo para qualquer médium verdadeiro, sentir uma pessoa.
    E o que sinto como Diogo é vida, e só existe uma Fonte da Vida. Amo esta Fonte manifesta através de você. Ela Se fez em você e é perfeita, uma jóia!
    Uma jóia pode ser pisada, amassada, cuspida, desmontada, que seu valor permanece, é imutável.
    Ninguém pode tocar o que é Sagrado. E não estou falando de por a mão, estou falando de maculá-Lo.
    Tudo o que consideramos distorcido, na verdade não está. O que está distrocido é nossa visão de tudo.
    E, estou usando o pronome Você, mas isso se estende a todos os humanos, e mais, à todas as criaturas.

    A questão é que as classes minoritárias que se percebem em desvantagem ( aparente!), tendem a agir igual àquilo que ela combate. Digo isso em face das experiências que tenho sendo Sacerdotisa Wicca. Vejo as mulheres agindo para com os homens da mesma forma que eles agem com elas. Eles são criticados,e devem ser, mas isso não dá o direito das mulheres começarem a agir da mesma forma.
    Sou wiccan e umbandista e amo poder exaltar o Sagrado Feminino, mas em hipótese alguma abro mão do Masculino.
    Quando uma Mãe Orixá me incorpora, Ela não é nem mais nem menos Pura e Magnífica que um Pai Orixá.
    Então, creio que o meu ponto de vista está além destes questionamentos sócios-culturais. Eu já aprendi ( e é nada!) que isso não tem a menor importância, diante da grandeza de um gão de arroz, aquele que cai do prato e se pisa em cima.
    ......................

    Espero não ter fugido ao seu objetivo, mas é essa a minha verdade que é bem parcial, ainda!

    E lembre-se, nunca lhe vi pessoalmente, mas amo você, não porque seja isso ou aquilo, mas porque não há mais nada para eu fazer além de amá-lo muito!

    O que você fará com isso, com sua posição na sociedade, ou com o seu sexo é assunto só seu, e não o amarei menos poe isso.

    Mil beijos!

    ResponderExcluir
  24. Ótimo texto. Obrigado pela visita. Quando tiver mais tempo (eu estou atrasado pra um compromisso) eu lerei mais coisas do blog.

    ResponderExcluir
  25. Como prometi, voltei!

    A questão da sexualidade no Brasil será sempre motivo de preconceito enquanto o povo andar com o credo na boca; enquanto a religião, tradicionalmente retrógrada, pesar sobre as consciências e ditar a moral, moldando assim o senso comum a intolerância e preconceito prevalecerão.

    Como muito bem referes, crescimento económico e educação não andam, infelizmente, de mão dadas, embora o ideal seria que uma coisa acompanhasse a outra. É um crime quando a classe política apenas se preocupa com os aspectos de desenvolvimento económico (mais lucrativos em termos de votos eleitorais) que com os aspectos formativos educativo-culturais da sociedade. É crime quando essa mesma classe politica, que se diz líder dum pais laico, permite que as igrejas tomem a seu cargo a formação da consciência dum povo, aproveitando assim da estupidificação geral que tal acto acarreta. É crime quando a classe politica entrega ao mundo empresarial de privados a responsabilidade de formação e educação do povo, sem estabelecer padrões de isenção dogmática e sem uma apertada fiscalização.

    O exercício de reflexão que nos pedes não deverá ser feito apenas no final de cada ano, mas no final de cada dia. Se todos nós (e quando digo todos quero mesmo dizer TODOS e não apenas gays ou outra coisa qualquer), ao nos deitarmos à noite na cama para repousar das fadigas de mais um dia, dedicássemos esses últimos momentos à reflexão sobre o que vivemos e observámos durante esse mesmo dia e o que poderíamos ou não deveríamos ter feito, o mundo seria muito melhor.

    Como estrangeiro posso dizer que a imagem que no exterior se faz do Brasil é completamente falsa, pois baseia-se na licenciosidade do carnaval da Sapucaí no Rio de Janeiro, que enche os televisores de todo o mundo. Quando cheguei a primeira vez ao Brasil tive um choque imenso ao constatar que afinal o brasileiro comum é um povo tacanho e preconceituoso, com uma cabeça formatada por uma feroz ditadura religiosa que prevalece em todo o pais e acima de qualquer poder oficial.

    É necessário um grande esforço de educação geral para que por cá se consigam os objectivos de direitos individuais que almejas no teu texto.

    Parabéns pelo excelente post!
    Inscrevo-me como seguidor e espero pela tua visita e as tuas opiniões e comentários no Confessium

    Salutas!

    ResponderExcluir
  26. "cânones obsoletos numa retomada hipócrita de uma moral que nunca existiu." Preconceito?? Onde né...
    Como podemos ver bem claramente quem cria preconceito entre Religião e Homossexualismo, são os proprios homossexuais.

    Na Visão da igreja, da biblia e de Deus, homossexualidade é um erro, mais a agreção fisica e moral de um ser humano tbm é, as igrejas em sua maioria não concordam com a homossexualidade, mas tbm não quer dizer que pra isso apoiem as "agreções". Existe sim uma grande massa dentro da igreja que não concordam com a questão homossexual, eu sou um deles, mas colocar que a Religião é o ponto forte entre a homofobia, é uma mera ilusã, Que faz o pré-conceito religioso só almentar contra essa parte da sociedade que quer de qualquer forma, trancafiar os conceitos morais e eticos de uma sociedade e de uma massa que sabe o que quer.

    ResponderExcluir
  27. Yéssss Dioguinho, botou fogo no blog???? rsrsrs
    Adoro isso de poder falar e se me provocar eu falo mesmmmmo.
    ...
    homofóbicos...? homofobia...?
    preconceito...? mediocridade...?
    nomes feios, vazios, podres,ocos...
    bla, bla, bla, bla, bla bla ......

    AGORA VEJAM A DIFERENÇA:
    RESPEITO!
    AMOR!
    LIBERDADE DE IR E VIR!
    COMO QUER!
    COM QUEM QUISER!
    MISTURA DE RAÇAS!
    UNIÃO DE CREDO E CÔR!
    AMOR!
    AMOR!
    AMOR!
    ESSA É A ARMA PARA VERMOS UM MUNDO MELHOR,SEM GUERRAS,COM DIGNIDADE
    QUEM GARANTE QUE OS QUE SE DIZEM
    HOMOFÓBICOS... NÃO GOSTEM DE UMA BOAAA PASSADA DE MÃO NA BUNDA NA HORA DO ORGASMO?
    ISSO OS FAZ GAYS?
    E SE OS FIZER?
    SÃO OBRIGADOS A LEVAREM PORRADAS?
    NOSSA, SERÁ QUE TANTA BURRICE VEM DE BERÇO?
    IMPOSSIVEL, EU NÃO POSSO ACREDITAR QUE PAIS ENSINEM A SEUS FILHOS QUE UM SER HUMANO PARA SER RESPEITADO NÃO PODE SER GAY.
    EU SOU MULHER E GOSTO DE ME RELACIONAR COM HOMENS, MAS TENHO VARIOS AMIGOS GAYS E OS RESPEITO MUITOOOOOOOOO E SOU RESPEITADA POR ELES E ELES NÃO SÃO DIFERENTES, SÃO IGUAIS, APENAS GOSTAM DO QUE EU GOSTO,OU SEJA OS HOMENS!
    MAS, ISSO É DECISÃO DE CADA UM E A VIDA É DELES.
    O QUE MAIS ME ENTRISTECE SINCERAMENTE, É QUE COM TANTA COISA RUIM NO MUNDO PRECISANDO DE UNIÃO, DE FORÇA PARA SEREM CONSERTADAS, PRINCIPALMENTE FORÇA VINDA DE JOVENS,ELES PIRAM E RESOLVEM PARTIR PARA VIOLÊNCIA E TOTALMENTE ERRADOS, SEM NOÇÃO NENHUMA DE SENSO HUMANO.
    FODA-SE A OPÇÃO SEXUAL DE CADA UM.
    CADA UM CUIDA DA SUA VIDA E PRONTO
    VAMOS VALORIZAR O SER, A VIDA,O AMOR,O RESPEITO.
    QUEM SABE UM GAY NÃO PRATICA MUITO MAIS A CARIDADE DO QUE MUITOS HOMOFÓBICOS POR AE? QUE SE ACHAM TÃO PERFEITOS E QUE MOSTRAM ISSO USANDO O SEU TEMPO DE VIDA ONDE PODERIAM ESTAR AJUDANDO O PRÓXIMO OU CRESCENDO ESPIRITUALMENTE COM VIOLÊNCIA?
    PRECONCEITO É SINAL DE ATRASO ESPIRITUAL, IGNORÂNCIA CULTIVADA EM CAIXINHA CÔR DE ROSA ESCONDIDA EMBAIXO DO COLCHÃO,FALTA DE DEUS NA PRÓPRIA VIDA,DESLOCAMENTO DE MENTE VEGETATIVA...
    RESPEITO E AMOR PRA TODOS!
    DIOGO TE ADOROOOOOOOOOO
    BEIJOSSSSSSSSSSS

    ResponderExcluir
  28. É isso mesmo, parabéns pelo texto, bem escrito, sei que tivemos muitos avanços nesse ano, somente a mobilização e sensibilização dos gueis já é algo a se comemorar, contudo ainda é pouco, é apenas um começo... realmente, que venha 2011, espero que seja melhor. Abraço! ^^

    ResponderExcluir
  29. Meu querido, demorei mas estou aqui! Não poderia deixar de vir. Seu texto está maravilhoso assim como a imagem que deixaste clara ser ilustrativa. Engraçado ver pessoas chocadas com ela. Mas eu não entendo esses fundamentalistas! Cristo morreu numa cruz assim como tantas pessoas morrem assasinadas por uma faca ou revólver e não vejo as famílias que perderam seu entes queridos colocando estes artefatos em exposição como adoração da morte delas! Porque a cruz seria então um objeto sagrado para essas pessoas que dizem ser o Cristo o salvador da humanidade? Em seu discurso, em momento algum ele disse que estava aqui para salvar ninguém, essa invenção foi de Saulo (ou Paulo) o verdadeiro criador do cristianismo e de toda essa confusão que hoje temos que aguentar. Mas enfim... Tenho pena delas. Apenas lamento.
    Sobre o texto que foi bem oportuno é lamentavel ainda que estejamos vendo tantos crimes, mas não podemos esquecer que não faz muito tempo que os gays colocaram as caras nas ruas então estamos pagando pelo tempo que vivemos preso em guetos. Até o momento que a gente não deixar claro que estamos ai e não somos minoria (como "eles" vivem dizendo o tempo todo) essas coisas não irão acabar! Eu acredito que ainda é muito pouco temos que fazer mais! Temos que usar os meios que temos. Assim como você está fazendo agora, a internet é uma ferramenta poderosa. Não podemos ficar calados achando que não tem jeito porque ai sim não terá mais jeito. O fato das pessoas hoje em dia denunciarem os crimes e tudo isso ser matéria no Jornal Nacional, ver um formador de opinião poderoso como Arnaldo Jabor falando a respeito também! Assim como o outing de muitas celebridades que você se referiu também gera reflexão.
    O Brasil está muito atrasado ainda, a lei que criminaliza a homofobia ainda não foi aprovada, não sei se será até haver derramamento de sangue porque num país em que tudo termina em festa em cima de trio elétrico fica difícil levar as coisas a sério.
    Mas se é com barulho que as coisas funcionam então façamos barulho! Vamos gritar bem alto pra todo mundo nos ouvir porque um dia, ai sim, eles nos ouvirão e essas coisas chegarão ao fim!

    Um grande beijo meu querido e parabéns pelo post justo e digno!

    ResponderExcluir
  30. Meu querido, demorei mas estou aqui! Não poderia deixar de vir. Seu texto está maravilhoso assim como a imagem que deixaste clara ser ilustrativa. Engraçado ver pessoas chocadas com ela. Mas eu não entendo esses fundamentalistas! Cristo morreu numa cruz assim como tantas pessoas morrem assasinadas por uma faca ou revólver e não vejo as famílias que perderam seu entes queridos colocando estes artefatos em exposição como adoração da morte delas! Porque a cruz seria então um objeto sagrado para essas pessoas que dizem ser o Cristo o salvador da humanidade? Em seu discurso, em momento algum ele disse que estava aqui para salvar ninguém, essa invenção foi de Saulo (ou Paulo) o verdadeiro criador do cristianismo e de toda essa confusão que hoje temos que aguentar. Mas enfim... Tenho pena delas. Apenas lamento.
    Sobre o texto que foi bem oportuno é lamentavel ainda que estejamos vendo tantos crimes, mas não podemos esquecer que não faz muito tempo que os gays colocaram as caras nas ruas então estamos pagando pelo tempo que vivemos preso em guetos. Até o momento que a gente não deixar claro que estamos ai e não somos minoria (como "eles" vivem dizendo o tempo todo) essas coisas não irão acabar! Eu acredito que ainda é muito pouco temos que fazer mais! Temos que usar os meios que temos. Assim como você está fazendo agora, a internet é uma ferramenta poderosa. Não podemos ficar calados achando que não tem jeito porque ai sim não terá mais jeito. O fato das pessoas hoje em dia denunciarem os crimes e tudo isso ser matéria no Jornal Nacional, ver um formador de opinião poderoso como Arnaldo Jabor falando a respeito também! Assim como o outing de muitas celebridades que você se referiu também gera reflexão.
    O Brasil está muito atrasado ainda, a lei que criminaliza a homofobia ainda não foi aprovada, não sei se será até haver derramamento de sangue porque num país em que tudo termina em festa em cima de trio elétrico fica difícil levar as coisas a sério.
    Mas se é com barulho que as coisas funcionam então façamos barulho! Vamos gritar bem alto pra todo mundo nos ouvir porque um dia, ai sim, eles nos ouvirão e essas coisas chegarão ao fim!

    Um grande beijo meu querido e parabéns pelo post justo e digno!

    ResponderExcluir
  31. Meu querido, demorei mas estou aqui! Não poderia deixar de vir. Seu texto está maravilhoso assim como a imagem que deixaste clara ser ilustrativa. Engraçado ver pessoas chocadas com ela. Mas eu não entendo esses fundamentalistas! Cristo morreu numa cruz assim como tantas pessoas morrem assasinadas por uma faca ou revólver e não vejo as famílias que perderam seu entes queridos colocando estes artefatos em exposição como adoração da morte delas! Porque a cruz seria então um objeto sagrado para essas pessoas que dizem ser o Cristo o salvador da humanidade? Em seu discurso, em momento algum ele disse que estava aqui para salvar ninguém, essa invenção foi de Saulo (ou Paulo) o verdadeiro criador do cristianismo e de toda essa confusão que hoje temos que aguentar. Mas enfim... Tenho pena delas. Apenas lamento.
    Sobre o texto que foi bem oportuno é lamentavel ainda que estejamos vendo tantos crimes, mas não podemos esquecer que não faz muito tempo que os gays colocaram as caras nas ruas então estamos pagando pelo tempo que vivemos preso em guetos. Até o momento que a gente não deixar claro que estamos ai e não somos minoria (como "eles" vivem dizendo o tempo todo) essas coisas não irão acabar! Eu acredito que ainda é muito pouco temos que fazer mais! Temos que usar os meios que temos. Assim como você está fazendo agora, a internet é uma ferramenta poderosa. Não podemos ficar calados achando que não tem jeito porque ai sim não terá mais jeito. O fato das pessoas hoje em dia denunciarem os crimes e tudo isso ser matéria no Jornal Nacional, ver um formador de opinião poderoso como Arnaldo Jabor falando a respeito também! Assim como o outing de muitas celebridades que você se referiu também gera reflexão.
    O Brasil está muito atrasado ainda, a lei que criminaliza a homofobia ainda não foi aprovada, não sei se será até haver derramamento de sangue porque num país em que tudo termina em festa em cima de trio elétrico fica difícil levar as coisas a sério.
    Mas se é com barulho que as coisas funcionam então façamos barulho! Vamos gritar bem alto pra todo mundo nos ouvir porque um dia, ai sim, eles nos ouvirão e essas coisas chegarão ao fim!

    Um grande beijo meu querido e parabéns pelo post justo e digno!

    ResponderExcluir
  32. Acho que você foi muito bem na exposição da sua opinião.
    Também acho que o Brasil precisa evoluir em relação a isso.
    Os maiores obstáculos são as igrejas,pois segundo ela o homossexualismo é um pecado muito grave.Isso não tem nenhum tipo de fundamento,pois em nenhuma parte da Bíblia e especificado que os casais tem que ser Heterossexual.
    Deus criou Adão e Eva..E daí.
    Ele não disse que era para eles ficarem junto.
    É isso que eu acho.
    Obrigado pelo espaço para dar a minha opinião.
    PS.: Também sou Gay,mas não assumi ainda.

    ResponderExcluir
  33. Nossa que palavras bem aplicadas adorei seu texto muito interessante mesmo!!!agente prescisa d pessoas q queiram tocar nesse assunto mesmo!!!E q esteja disposto a lutar ate o ultimo minuto para q as pessoas entendao isso!!parabens mesmo !!e tenha um feliz 2011!!bjoos Diogo

    ResponderExcluir
  34. E voltei de novo! rsrsrs

    Eu não disse que irias gostar da música?!... É na verdade um belíssimo poema com uma linda melodia.

    Mas em relação ao presente post e esses comentários cobardes, como são sempre os comentários de anónimos, o que te aconselho (se tal me permites) é a sujeitares todos os comentários a prévia autorização do usuário. Liberdade não se coaduna com cobardia e clandestinidade. Se têm opinião então dêem a cara! Se não querem dar a cara então que se calem e metam os seus dogmas no cu (já que também metem lá outras coisas)!
    Não te deixes sujeitar às sevícias de gente sem hombridade!

    Beijos

    ResponderExcluir
  35. Como bem disse o Tony Goes... estamos sofrendo mais porque também estamos saindo cada vez mais dos guetos...

    Até a sociedade nos respeitar como devem muitos ainda serão agredidos infelizmente! Vamos nos calar? Jamais... Vamos cada vez mais dar a cara a tapa e exigir nossos direitos até que eles não nos sejam negados!!!

    Mas conversando ontem com um amigo ele me abriu os olhos para outro fato! Aprovar leis como: Maria da Penha... Lei em favor do Idosos... Leis para as crianças... e agOra a PL 122... e muito reduntante!

    Agressão física já é considerada crime... tanto faz se o cara é hetero ou homo... o agressor será punido de qualquer forma! Então pra que fazer mais leis? Temos que lutar para que as já existentes vigorem como devem!

    Parabéns pelo texto!

    ***

    umBeijo!

    ;-D

    ResponderExcluir
  36. É a foto mais DESRESPEITOSA que já vi em toda minha vida.

    Queria ver você fazer isso com mamomé,ai sim, você veria quais são os religiosos que realmente são extremistas.Veria que os cristãos são uma flor se comparado a eles.


    Tire a foto,não compare Jesus a vocês.


    Já estou denunciando essa foto,aguarde respostas, e não tão doces.

    Repudio isso !

    ResponderExcluir
  37. Eu penso que amor é isso mesmo amor, se duas pessoas do mesmo sexo se amam porque não tem de ser felizes, ninguém tem nada com isso, no entanto também te digo que não gosto de ver os desfiles que por vezes fazem e estou a falar de Portugal que parece o carnaval, cada um tem direito á sua sexualidade aqui em Portugal o casamento já é permitido no entanto a cabeça das pessoas pelo menos a maioria ainda não está preparada para essa nova realidade, mas isso não dá o direito a excluírem seja quem for
    beijinhos

    ResponderExcluir
  38. a sociedade de hoje caminha para a decadencia! não se pode ignorar os ensinamentos das grandes civilizações da antiguidade.
    pode vir a catrastrofe que for, guerra nuclear ou algo natural, esses conceitos mordenos tolos iram embora junto com os mortos porem a palavra de Deus sempre ficara!
    até vcs devem concorda comigo que uma macieira deve dar maçãs e não laranjas!
    a vida é dificil para qualquer um!
    um trambalhador, um agricultor no nordeste ou alguem do haiti e esses pessoas não tem culpa do seus sofrementos que levam, porem seguem a vida trabalhando e levando as concequencias, então vcs homosexuais, não reclamen pois vcs tbm tem culpa de terem escolhido na maioria das vezes por livre e expontani vontade esse caminho e aguentem agora as concequencias. saibam que vcs são apenas burros por terem escolhido esse caminho,que te cega durante a vida e trará mais concequencias apos a morte q eventualmente ela chegara a todos, espero que vcs tenham sorte até lá.

    ResponderExcluir
  39. Diogo, cá estou, tarde mas ainda a horas.
    Você tem o dom da palavra!
    Adorei o seu texto e vou recomendar a amigos, tal como já recomendei uma leitura atenta a alguns dos seus pot’s!
    Cada vez mais encontramos pessoas a manifestar o seu agrado e a sua posição na sociedade perante esta questão que é a homossexualidade, da mesma forma como encontramos as que julgam os homossexuais ( http://moreaboutmyke.blogspot.com/2010/11/aberracoes-da-natureza.html ) como pessoas que em nada contribuem!
    Em Portugal, desde a aprovação do casamento entre pessoas do mesmo sexo (há cerca de 6 meses), contam-se cerca de 600 casamentos. O que quer dizer que se casaram em média 100 pessoas por mês, 3,33 pessoas por dia. Mas não pensem os meus amigos que com estes números passamos a ser vistos da melhor forma. Não, continua-se a falar dos homossexuais, aqueles que…não são como a sociedade desenhou, como se existisse um documento escrito que desenha as pessoas normais. Se alguma vez existiu e se existe, está desactualizado…aliás nunca esteve actualizado. Falamos de pessoas que contribuem para o PIB da nossa economia, que não se encontra no melhor estado, de pessoas que pagam os seus impostos e as suas contribuições e que são catalogadas abaixo de marginais.
    Caio a pensar que enquanto permanecerem mentalidades assim não seguimos para frente.
    Forte e grande abraço!
    As maiores felicidades

    ResponderExcluir
  40. a sociedade de hoje caminha para a decadencia! não se pode ignorar os ensinamentos das grandes civilizações da antiguidade.
    pode vir a catrastrofe que for, guerra nuclear ou algo natural, esses conceitos mordenos tolos iram embora junto com os mortos porem a palavra de Deus sempre ficara!
    até vcs devem concorda comigo que uma macieira deve dar maçãs e não laranjas!
    a vida é dificil para qualquer um!
    um trambalhador, um agricultor no nordeste ou alguem do haiti e esses pessoas não tem culpa do seus sofrementos que levam, porem seguem a vida trabalhando e levando as concequencias, então vcs homosexuais, não reclamen pois vcs tbm tem culpa de terem escolhido na maioria das vezes por livre e expontani vontade esse caminho e aguentem agora as concequencias. saibam que vcs são apenas burros por terem escolhido esse caminho,que te cega durante a vida e trará mais concequencias apos a morte q eventualmente ela chegara a todos, espero que vcs tenham sorte até lá.

    ResponderExcluir
  41. Oi Diogo voltei! Muito bom ver tanta polemica em torno desse tema, meus parabéns a você por abrir a boca e falar e gerar um debate tão bom e de tanta qualidade... Várias opniões circulando e isso é o começo de um processo de mudança, chega de ficar sofrendo dentro de um armario as angustias da vida, vamos falar e problematizar e convidar os outros a problematizarem conosco, afinal somos educadores!

    Fiquei admirada com a maneira como as pessoas se incomodaram com a imagem, em vez de se incomodarem deveriam pensar em pq ela está ai no seu texto o que ela quer dizer, qual o seu sentido antes de sair por ai bradando ameaças.

    Pelo que leio em suas paginas e pelo o que escutei de você nos ultimos anos sei bem que no ponto respeito a religiosidade alheia vc é impecavel, minha irmã crente da Assémbleia de Deus foi sua aluna e te adora de carteirinha, sei que vc respeita do crente ao candomblecista e a imagem está de acordo com o texto, desrespeito é alguém chegar aqui querendo mandar no seu espaço e ameaçando para completar! Fala sério \o/

    Acho incrivel como o preconceito cega as pessoas, como elas não entendem que espancar, humilhar, massacrar, excluir uma pessoa por sua opção sexual é anti-cristão, é ser fariseu é repetir os mesmos atos das pessoas que crucificaram Jesus e que o Cristo jamais aprovará esse tipo de coisa. Respeito é uma palavra que deve existir no vocabulario de todo cristão, as vezes penso que grande parte da cristandade quer ser respeitada mas não quer respeitar, quer ser abençoado por Cristo, mas não quer agir como ele agiria e isso é triste e pobre!!!

    A proposito das leis especificas para mulheres, gays, idosos etc, sou totalmente a favor, essas leis movimentam a sociedade, criam debates, mechem com as estruturas... A cultura cria leis e leis criam culturas, se o movimento LGBT não estivesse lutando para aprovar essas leis talvez o debate não estivesse tão latente na sociedade e pessoas não estivessem se dando ao trabalho de pensar melhor e ver que aceitar a diversidade é o minimo que podemos fazer.

    Ah, acho sim que falar de homofobia é valido sempreeee... se a gente não fala nada muda nunca, ficar calado não resolve nada!
    __

    Ah [2], vi algumas pessoas falando sobre a questão do respeito e penso que é incrivel como a sociedade acha desrespeitoso por parte dos gays serem autenticos, falarem do seu jeito e derivativos, parece que as pessoas consideram respeitosos somente aqueles homossexuais que parecem heteros, que são contidos ou aqueles que casam e vão na calada da noite buscar um parceiro que os satisfaça. As vezes penso que algumas pessoas acham que "vc até pode ser gay, mas não pode parecer gay", tem que manter as aparencias, pq parecer gay, "dar pinta" ofende algumas pessoas, se assumir ofende e vc tem que ser contido, se for preciso minta, seja por fim infeliz para que a maioria seja feliz, para que as pessoas se sintam "respeitadas".

    ResponderExcluir
  42. O mais incrível de tudo isso é: Vocês se iludem que são livres. No fundo são todos complexados e sabem que são sim diferentes. Senão vocês seguiriam com seu comportamento homossexual normalmente, sem ficarem querendo direitos diferenciados. Cada uma faz o que quer da sua vida, na verdade o povo tá cagando pra vocês, e isso incomoda. Não tenho nada com a vida de ninguém, a vergonha de querer casar é de vcs, de adotar criança, etc.. O que vocês querem dos heterossexuais é amor, apoio e aceitação. E isso a gente não faz por ninguém que dá margem para ser desrespeitado. Seja gay, adolescente, negro, loira, pobre, etc. O Renato Russo era um cara que se dava o respeito.. não queria sair por aí agredindo a sociedade beijando outro homem nas ruas. Mas a geração de vocês traz um Serginho do BBB como referência. Não sei porque para ser gay o cara tem que querer parecer uma adolescente de 15 anos. Isso realmente eu não consigo respeitar, porque esse indivíduo invade meu espaço tanto quanto gente que fala muito alto em lugar público.

    ResponderExcluir
  43. Excelente post! Tenho me ocupado bastante com esse tema lá no Fora do Armário. A homofobia é um mal que atinge diretamente os homossexuais, mas têm desdobramentos dolorosos para muitas outras pessoas, porque todos os homossexuais tem alguém que chora com eles quando são agredidos ou discriminados.

    Muito dessa homofobia acaba internalizada e serve como um dispositivo de auto-destruição ou auto-cerceamento. Por isso mesmo é que decidi finalmente lançar meu livro, e espero que ele contribua muito para essa e outras reflexões.

    Mais detalhes em:
    http://glsgls.blogspot.com/2010/12/finalmente-o-livro-de-sergio-viula.html

    Que 2011 traga avanços, mas esses avanços só acontecerão com trabalho duro junto aos governos, mídia e demais representantes da sociedade civil.

    Abraço,
    Sergio Viula

    ResponderExcluir
  44. Diddier, que texto MARAVILHOSO!
    Uau! E que belas reflexões e opiniões sairem dele, parabéns!

    É importante que a classe política tenha a noção da importância de se combater a homofobia.
    Homofobia é crime, chega de violência contra homessexuais e mortes contra os mesmos.
    Vivemos em um pais livre.
    Ou Não?
    Beijos querido, ótima quinta-feira a vc.

    ResponderExcluir
  45. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  46. Parabéns pelo seu post, realmente bem feito e com pesquisa séria. Não ligue para bobagens de fundamentalistas ou neonazistas como esse "Guilherme", esteja preparado, são canalhas ao invadirem tudo, inclusive o Congresso Nacional. Infelizmente, o Brasil já vive uma ditadura evangélica disfarçada e fascista, evangélicos fundamentalistas não respeitam a Constituição , onde ela diz que aqui o Estado é Laico.
    Ah, apenas uma coisa não concordo: é sobre esse seu aviso de não colocar links nos comentários. Não tenho blog agora, mas quando tinha costumava colocar o endereço do meu blog e não entendo como isso pode ser ofensivo a você. É uma forma da gente ir realmente trocando ideias e criando uma rede, nem sempre esses recursos funcionam. E o fato de colocar link não tira, de forma alguma, o valor do meu comentário, nunca tirou. Peço desculpas , mas penso assim. De todo o modo, parabéns pela sua luta. Sou um militasnte antigo, histórico, hoje defendo a causa dos gays idosos, que precisa também ganhar visibilidade, a situação é trágica. Mas é uma pena não poder deixar meu email aqui, em respeito a você. Se pudesse, seria uma forma de pessoas também se interarem da Luta em defesa dos gays idosos, que deve ser de tod@s.
    Porém, reitero os meus parabéns e admiração.
    Obrigado,
    Ricardo Aguieiras

    ResponderExcluir
  47. Diogo,

    Gostei do blog, da postagem e dos comentários.

    Confesso que alguns comentários chegam a ser divertidos.

    Mas sou a favor da livre manifestação do pensamento, ainda que possa não concordar com o conteúdo.

    Como cheguei aqui depois de tantos comentários, não posso deixar de chamar atenção que muitos deles revelam gritantemente o perfil do comentarista. Existe até um que se diz homossexual defendendo o preconceito. Este colega deveria ser informado que assumir preconceito (que em algum grau todos possuem) não significa concordar com ele, pelo bem do respeito ao próximo e a evolução da humanidade.

    Óbvio que existe muita ignorância de alguns, especialmente quando alegam que é desnecessária a existência de lei criminal específica para a prática de determinadas condutas lesivas aos homossexuais. É de uma arrogância desmedida, como se fosse um engenheiro se sentido autorizado a determinar o procedimento cirúrgico a um médico.

    Mudemos então o foco, tirem o canhão de luz encima da pretensão da necessária lei contra a homofobia e a joguem para o lado oposto. Para o que serve as INUMERAS leis criminais especificas que protegem as igrejas da discriminação? Além de outras, com isenções de tributos, direito a fazer barulho e etc... E, como mero exemplo entre milhares possíveis, para que serve lei contra aborto, infanticídio e latrocínio? Afinal, não bastaria um outro crime - de homicídio – para proteger a vida? Acredite, para tudo há uma razão de ser, estudada e justificada, não tão simplista.

    O preconceito é vedado pela Constituição, mas nem todos os preconceitos são criminalizados pelo ordenamento jurídico. O “racismo” até deveria ser entendido de forma abrangente, incluindo todos os agentes passivos da discriminação, mas não é o caso. Nossa lei não admite interpretação extensiva para criminalizar quem quer que seja.

    Não se deseja leis “especiais”, privilégios legais ou qualquer assemelhado, apenas que existam normas que façam cumprir o direito fundamental previsto pela Constituição Federal da República do Brasil: todos são iguais perante a lei, e garanta assim, o princípio fundamental da igualdade e da dignidade da pessoa humana. Nem mais, nem menos. Só isso.

    De fato, foi um ano marcado por retrocessos, muito mais que vitórias, ainda que essas tenham ocorrido (como o Imposto de Renda, Previdência Social e eleição do homossexual Jean Wyllys). O pior retrocesso foram as absurdas campanhas de segundo turno destas últimas eleições, e não posso deixar também de incluir, o brutal assassinato de Alexandre Ivo, um adolescente de 14 anos que foi torturado até a morte, em São Gonçalo/RJ, do qual seus assassinos, absurdamente, encontram-se em liberdade, além de ver reeleitos Crivella e Magno Malta, entre outros, e a eleição de Garotinho...

    Paro por aqui, me excedi...

    Abraço
    Carlos Alexandre

    ResponderExcluir
  48. Diogo,

    Gostei do blog, da postagem e dos comentários.

    Confesso que alguns comentários chegam a ser divertidos.

    Mas sou a favor da livre manifestação do pensamento, ainda que possa não concordar com o conteúdo.

    Como cheguei aqui depois de tantos comentários, não posso deixar de chamar atenção que muitos deles revelam gritantemente o perfil do comentarista. Existe até um que se diz homossexual defendendo o preconceito. Este colega deveria ser informado que assumir preconceito (que em algum grau todos possuem) não significa concordar com ele, pelo bem do respeito ao próximo e a evolução da humanidade.

    Óbvio que existe muita ignorância de alguns, especialmente quando alegam que é desnecessária a existência de lei criminal específica para a prática de determinadas condutas lesivas aos homossexuais. É de uma arrogância desmedida, como se fosse um engenheiro se sentido autorizado a determinar o procedimento cirúrgico a um médico.

    Mudemos então o foco, tirem o canhão de luz encima da pretensão da necessária lei contra a homofobia e a joguem para o lado oposto. Para o que serve as INUMERAS leis criminais especificas que protegem as igrejas da discriminação? Além de outras, com isenções de tributos, direito a fazer barulho e etc... E, como mero exemplo entre milhares possíveis, para que serve lei contra aborto, infanticídio e latrocínio? Afinal, não bastaria um outro crime - de homicídio – para proteger a vida? Acredite, para tudo há uma razão de ser, estudada e justificada, não tão simplista.

    O preconceito é vedado pela Constituição, mas nem todos os preconceitos são criminalizados pelo ordenamento jurídico. O “racismo” até deveria ser entendido de forma abrangente, incluindo todos os agentes passivos da discriminação, mas não é o caso. Nossa lei não admite interpretação extensiva para criminalizar quem quer que seja.

    Não se deseja leis “especiais”, privilégios legais ou qualquer assemelhado, apenas que existam normas que façam cumprir o direito fundamental previsto pela Constituição Federal da República do Brasil: todos são iguais perante a lei, e garanta assim, o princípio fundamental da igualdade e da dignidade da pessoa humana. Nem mais, nem menos. Só isso.

    De fato, foi um ano marcado por retrocessos, muito mais que vitórias, ainda que essas tenham ocorrido (como o Imposto de Renda, Previdência Social e eleição do homossexual Jean Wyllys). O pior retrocesso foram as absurdas campanhas de segundo turno destas últimas eleições, e não posso deixar também de incluir, o brutal assassinato de Alexandre Ivo, um adolescente de 14 anos que foi torturado até a morte, em São Gonçalo/RJ, do qual seus assassinos, absurdamente, encontram-se em liberdade, além de ver reeleitos Crivella e Magno Malta, entre outros, e a eleição de Garotinho...

    Paro por aqui, me excedi...

    Abraço
    Carlos Alexandre

    ResponderExcluir
  49. Isso aqui ta bombando..os comentarios sao muito mais positivos d q negativos. Acho ridiculo o fato de as pessoas virem aqui ameaçar que vai denunciar foto e bla bla..PQ NAO DENUNCIAM BLOGD DE PEDOFILIA? DE PROSTITUIÇÃO INFALTIL? ISSO AQUI É UM BLOG SÉRIO COM TEXTOS SUPER BEM ESCRITOS E BEM FUNDAMENTADOS...TIRE SUA EXISTENCIA DO AR, NÃO ESSE ESPAÇO QUE É TÃO INFIMO COMPARADO AO NOSSO ESPAÇO NA SOCIEDADE... NEM CONFIANÇA P ELES DIOGO...SEU BLOG GANHOU MUITA REPERCUSÃO DEPOIS DISSO, MUITO MAIS POSITIVA, É CLARO.

    Parabéns...é só isso que eu tenho a dizer, mais uma vez...

    ResponderExcluir
  50. PAIXÃO,
    pORQUE O SEGURO MORREU DE VELHO,HEHEHE...Veja e siga, por favor:

    "Como proteger o blog de ser excluído
    Compartilhando...

    Como sugestão do blog:http://nemacharmosa.blogspot.com compartilho a postagem muito interessante da amiga blogueira Elaine Gaspareto do blog:http://www.elainegaspareto.com
    Aproveitem e visite os blogs, vocês vão gostar assim como eu gostei...

    A postagem é a seguinte....

    De quarta-feira (09/12) pra cá algumas coisas estranhas e muito preocupantes aconteceram na blogosfera hospedada pelo Blogger. Simplesmente dezenas de blogs sumiram, viraram poeira!

    E como a tragédia aconteceu com alguns blogs de amigos meus resolvi antecipar este post que estava planejado para o ano que vem



    Leia com atenção: a vida de seu blog pode estar por um fio!

    Para começar eu passei a noite de ontem lendo as desesperadas perguntas e pedidos de socorro no Fórum de ajuda do Blogger. Porém, lá também estavam todos “perdidos”, sem saber o motivo de tantas exclusões.

    Pelo que vi, desta vez não foram apenas blogs de downloads que foram deletados. A matança de blogs foi geral, um horror!

    Então, como se prevenir do que pode ser um dos bugs do Blogger?

    Antes de mais nada faça backup de seu template e widgets. Faça agora, não espere!

    Mas e os posts e comentários? Tem jeito de salvar?

    Sim, tem.

    Clique em Configurações, no seu painel do blog. Clique agora, vamos fazendo juntos.

    Agora clique em Exportar blog. Pode clicar, é seguro. Vai abrir uma janela para que o blog seja salvo. Assim:

    como salvar meu blogClique no botão laranja. Espere enquanto seu blog é salvo. Pronto. Agora você salvou todos os seus posts e comentários. Caso seu blo

    g suma de repente basta criar um novo e importar tudo para ele: template, gadgets, widgets, posts e comentários.

    Faça agora, amanhã pode ser tarde demais. E por favor:

    Espalhe este post, espalhe a notícia. O último blog que eu soube, agora de manhã ter sido deletado foi o Mix cultural, da Beta.

    Aproveitando o assunto:

    Talvez seja a hora de você pensar em ter um domínio próprio para seu blog. Isso não impede que ele seja excluído pois a menos que você pague hospedagem seu blog continua hospedado pelo Blogger e portanto sujeito aos bugs da plataforma.

    Mas então para que serve um domínio?

    Serve para você manter seus leitores, serve para não perder links, serve para ter controle sobre suas postagens. Serve para você ser dono do nome/endereço de seu blog.

    Caso um blog que possua domínio próprio seja deletado o domínio não é afetado. Daí é só criar outro blog, direcionar para o domínio próprio e importar todas as postagens e comentários salvos no backup que ensinei acima.

    (Elaine Gaspareto)

    Em tempo: Esses dias a amiga blogueira Sonia Silvino teve seus blogs excluídos, mas graças a Deus voltou a normalidade.

    Vamos propagar o bem...Repassem para os amigos!!!"


    Os meus estão todos salvos no disco rígido de meu pc,rsrsrs... nunca se sabe, não é?!

    Beijoooooooooosssss.

    ResponderExcluir
  51. Diogo,

    Cada dia mais, admiro e respeito as lutas de gente como você que entende que as opções que abraçamos são também compromissos com o Mundo e os seres do/no Mundo. Militância é (sempre será) uma aposta séria na existência e na possibilidade de as pessoas serem felizes... como o nome do Blog diz! é belo vê-lo superando preconceitos, barreiras... e lutando! Por isso venho sempre aqui!
    Parabéns por este belo texto! uito boa a polêmica gerada em torno dele...!
    E mais: posso reproduzi-lo (citada a autoria, fonte e link) em meu Blog?

    Paz e Bem! Axé!

    ResponderExcluir
  52. NOSSA!

    Nunca imaginei que um post meu fosse criar tanta polêmica dessa forma. Fico feliz por isso, pois a minha intensão não foi polemizar nada, mas sim fazer com que as pessoas começassem a raciocinar sobre a temática LGBTT.

    Infelizmente algumas pessoas, anonimamente, utilizaram esse espaço não para discutir mas para fazer ameaças das quais eu não tenho nenhum medo. Falo isso por que essas pessoas que se sentiram ofendidas não entenderam o que o meu texto quiz passar.

    Nesse sentido, vale ressaltar que o que está sendo simbolizado não é uma analogia de Cristo na cruz mais a própria cruz como instrumento de tortura que foi utilizado em varios momentos da escola para simbolizar o sofrimento. É que, infelizmente a falta de conhecimento só leva a associações extremistas e sem aprofundamento histórico.

    Como falei em algum comentário acima, a foto que ilustra essa postagem foi colocada não para criar uma comparação entre Jesus Cristo e os gays. Nem tão pouco é da minha intenção blasfemar sobre a fé alheia. Tenho MUITO respeito pelos credos, TODOS ELES, pois acredito na sua contribuição para a cultura do nosso povo.

    No entanto, eu não podia deixar passar em branco o papel exercido por algumas Igrejas em dificultar que a problemática gay seja resolvida. Todos sabem que a lei do PLC122/2006 não foi aprovada por causa de alguns religiosos que insistem em votar contra a ela.

    ResponderExcluir
  53. O que esses mesmos "anonimos" querem é criar um efeito reverso, focando na imagem desse texto para desviar o foco da discussão. Se essa for realmente a intenção de vocês, meus caros, sento-lhes dizer que vocês irão falhar. Digo isso categoricamente, pois a maioria dos meus comentários foram positivos. E sabe por quê? Simples! As pessoas começaram a olhar para o problema dos gay com olhos mais críticos.

    Tenho minha fé e de forma alguma iria cometer um ato tão herege em sã consciência. Fico até triste pois esse tal de Guilherme, que parece ser ligado a alguma religião, preferiu me ameaçar a ter que discutir o tema em questão de forma mais equilibrada.Querido, você não percebe que esse seu posiconamento só ratifica o
    que eu disse no texto?

    Voltando para o texto. No momento da concepção deste eu pensei em não publicar pois achei que ele era muito simplório. Porém, por alguma razão, eu resolvi postá-lo. Nunca imaginei que teria tamanha repercussão, mas fiquei feliz com o resultado.

    A intenção primária era fazer um balanço doa fatos mais marcantes desse ano e depois fazer algumas criticas sobre as dificuldades encontradas pelos gays em nosso país.

    Sei que muita coisa melhorou se comparado há alguns anos. Entretanto, há muito o que ser feito,a começar por discussões como essas. Esse debate não deveria ficar restrito aos blogs, mas sim ganhar uma visibilidade nacional para que mais pessoas possam construir uma visão menos pejorativa do movimento gay.

    ResponderExcluir
  54. Agradeço de coração a todos aqueles que comentaram esse texto. Digo-lhes que não foi minha intenção ferir a integridade, nem tão pouco a moral de ninguém, apenas quiz exercer o meu papel de cidadão, pois acredito que é preciso defender as causas que são válidas e construtivas, as quais eu acredito que valem a pena lutar.

    Não irei apagar nenhum dos comentários, desde os anônimos aos que mostraram os rostos, pois acredito que mais pessoas irão ver as palavras de cada um de vcs e irão construir novos pontos de vista. Espero apenas que os futuros leitores sejam sensatos na hora de analisar o meu texto.

    No mais, agradeço a todos e todas. E se você está lendo esse texto pela primeira vez, por favor, olhe-o com os olhos da tolerância, do respeito e do amor, pois estamos falando de pessoas que poderiam ser parentes seus, ou amigos, vizinhos...e essas pessoas não têm nada de diferente, elas apenas querem ter seus direitos assegurados pela lei.

    Volto a mencionar uma parte de um dos meus textos: a lei Maria da Penha foi criada depois que a mulher que lhe deu o nome ficou paraplégica; os negros passaram anos para conseguir enfim ter os seus direitos "assugurados"; e os homossexuais? até quando esperaremos para que algo de novo aconteça em favor dessa "minoria" que já ocupa um grande contigente populacional. Será que teremos que presenciar um massacre para que algo definitivo aconteça.

    Eu espero não chegar a tanto!

    bjoxxxxxxxxxxxxxxxxx a TODOS!

    ResponderExcluir
  55. É meu amigo vamos continuar tendo Fé que essa situação mude , que sejamos respeitados com igualdade . Bj bem carinhoso pra vc !!!e Desde já votos de um lindo e encantador 2011.

    ResponderExcluir
  56. Ação ou efeito de dobrar, curvar ou inclinar.
    Aos que não tem esse hábito que o faça. Não por ego, e sim, por reconhecer no outro o nós.

    Preferiria dissertar aqui sobre um avanço considerável das relações de gênero no Brasil, mas, em 2010 o que me resta são socos, murmúrios, preconceito, marginalização e sangue. Socos daqueles da Av. Paulista, sangue do parada gay no RJ, murmúrios dos marginalizados.

    No entanto, tais efeitos e fatos, nos direcionam a um debate que precisamos, a cada dia, enfrentar, pois, a carga de simbologia que nossa terra Tupiniquim é composta é imensa, porém, nossa atitude tem que ser de desbravadores e bandeirantes de essência de trovadores.

    Em suma, espero que em 2011 seja melhor que 2010, e que o 2011 seja pior que 2012.

    Bons festejos.

    E parabéns pela postagem.

    ResponderExcluir
  57. A evolucao e lenta, mas inexoravel. Sejamos otimistas. Um passo para tras nao anula tantos avancos dos ultimos anos e decadas. Ao menos no ocidente.

    ResponderExcluir
  58. Tenho observado comentários bastante exaltados sobre o texto acima. E achei importante compartilhar um pouco do meu conhecimento dos ensinamentos do nosso mestre Jesus Cristo. Mas antes vou me apresentar, Sou pastor de uma igreja evangélica com formação missionária há cerca de 20 anos. E com este currículo acho que posso ajudar a uma reflexão mais coerente do tema em questão. A bíblia é um livro muito importante quicar o mais relevante de todos, sendo assim seria prudente especialmente para nós que representamos nosso mestre na terra, Jesus Cristo. Assim sendo, quando vamos tratar de qualquer que seja a temática antes de abrirmos a boca são as orientações dele que devem prevalecer como meio abalizador de condução para as nossas decisões. Partindo desse princípio, vemos o quanto pecamos por decidimos a nosso bel prazer sobre esse tema. Não pelo o conteúdo, mas sobre tudo, no que tange a tomarmos ações que não condiz com as orientações do nosso mestre, como por exemplo, fazer críticas sobre a temática da homofobia é contrária as orientações de Jesus, pois ele não nos designou para julgarmos a ninguém aqui na terra (Mateus 7:1) nós até podemos ter a nossa opinião e sabermos o que as escrituras dizem sobre a homossexualidade, mas é Deus quem julgará a cada um segundo as suas ações. A nossa função como evangelizadores é pregar a palavra para que as pessoas saibam o que Deus pensa sobre isso e não julgar. No que diz respeito a essa imagem devemos lembrar que Jesus disse que cada um pegasse sua cruz e o seguisse continuamente, e que o objeto principal em questão é a cruz, além do mais ele também disse que todos os pecados que o homem cometesse poderia ser perdoado exceto contra Deus. Não se esqueçam de como ele reagiu quando Pedro cortou a orelha de Malcom ele disse que nós não deveríamos lutar, pois ele era capaz de pedir ao nosso pai que lhe enviasse 12 legiões de anjos para lhe ajudar se ele assim desejasse e logo depois mesmo sabendo que seria preso injustamente ele curou Malcom e mandou Pedro guardar a espada ou seja o cristão verdadeiro deve seguir esse modelo. Dessa forma, estamos errando, pecando, não por falar que Deus odeia os atos homossexuais, mas por tomarmos a posição de Deus em julgar a tais atos. E assim de certos acabamos ficando errados, pois se lembrem para Deus não há diferença de pecados todos são pecados do menor ao maior. Por tudo isso não queremos incorrer em pecado e assim devemos deixar o julgamento nas mãos de quem é capaz de fazê-lo, Deus.

    ResponderExcluir
  59. eu tow impressionado é com os comentários, sobretudo com a revolta sobre a imagem, qro saber qual o problema de ter um homem pelado na cruz? e pq comparar cristo com os homossexuais é errado? pq chamar cristo de gay é ofensivo? ah, vá!

    ResponderExcluir
  60. Continuo muito feliz com os comentários. As pelavras de vocês me dão forças para continuar nesse empreitada tão injusta e de caminhos tão turbulentos.

    Michel, as suas palavras repletas de racionalidade só enriquecem ainda mias o meu blog.

    Da mesma forma que o meu amigo Julio, detentor de um conhecimento religioso sem precendentes, deixou um comentário ESCLARECEDOR sobre o meu texto, bem como a intencionalidade dele.

    Além é claro de todos os outros blogueiros que, gentilmente postaram as suas opiniões riquissimas aqui.

    Meu MUITO OBRIGADO!

    bjoxxxxxxxxxxxxxxxxxxxxx

    ResponderExcluir
  61. Excelente o post amigo, falou muito bem o que aconteceu e o que acontece.Não vou entrar em discussão com alguns comentários pois estou numa fase light,rsrs.
    E viva a comunidade LGBT!E que venha 2011!

    Abração.

    ResponderExcluir
  62. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  63. Eita, que faz um tempo que tu sinalizou lá no meu blog sobre esta postagem. Realmente esqueci que devo alimentar meu blog querido aHuAhUAHA.

    Sobre o texto Diego, concordo que a luta GLBT deve continuar às luzes. O obscuro, para esta sociedade brasileira cheia de culturas e crendices, é recebida como algo errado ou proibido.
    O que a classe (ao meu ver) anseia não é apenas a aceitação, a aprovação(apenas)...E sim o respeito e a visibilidade como uma característica social.Negar (ou fingir que não ver) é burrice e atirar no próprio pé.
    Cada dia, mais e mais é latente a necessidade de criar políticas sociais e legislativas que implantarão a proteção, respeito, igualdade, aos gays e lésbicas.
    Não para privilegiar, ou destacar...
    É reconhecer a nova característica florescendo no Brasil. =)

    Abração pra tu maluco, ótimo 2011 e serão repleto de rosas: com espinhos, mas perfeitamente lindas.
    \o/

    ResponderExcluir

recent posts

Comentários

Instagram